Aproximadamente 25% da população sofre com esses tipos de dores, principalmente se elas já tiverem uma certa idade. Outrossim, se estiverem um pouco acima do peso ou levarem uma vida totalmente sedentaria.

Estudos identificaram que 15% da população sofre dessa dor e a causa é cronica. Ou seja, não cura nunca. Como se a dor te acompanhasse por toda a vida. E a unica alternativa é recorrer a métodos que provoquem um certo alivio, melhorando assim, a qualidade de vida.

Pessoas com cerca de 60 – 65 anos se queixam muito de dores nos quadris ou ainda nos joelhos. Primeiramente vem o desgaste do quadril, essa é a campeão, em segundo lugar os joelhos e por ultimo pernas e pés.

Essa dor geralmente é provocado pelo desgaste dos ossos e das articulações. Todavia, as articulações podem se desgastar devido ao seu uso em posturas ruins ou estilo de vida sedentário.

 

Diferentes causas para dor no quadril e nas pernas

A dor no quadril pode ser devido a muitas causas diferentes. Às vezes sentimos na parte lateral superior da coxa. Pode ser uma dor que não nos deixa dormir  e ser mais forte quando nos deitados de lado e assim sentimos a pressão. Nestes casos é geralmente uma trocanterite ou bursite da articulação. A bolsa conjunta que protege a articulação se torna inflamada e dolorosa.

Também pode ocorrer devido a problemas musculares nessa área, como a distensão do músculo flexor do quadril, dos músculos isquiotibiais ou da síndrome dos isquiotibiais.

Existem ainda outras causas de dor, como tumores na área ou problemas de irritação vascular que produzem necrose avascular do tecido ósseo.

Quando a dor é no quadril e na perna ocorre subitamente, pode haver uma fratura da articulação. Esta é uma emergência e é seguida por uma queda: a articulação é quebrada espontaneamente pela sua parte mais fraca e o paciente cai no chão. O que ouvimos: “Ele caiu e quebrou o quadril”, geralmente não é o caso. Muito pelo contrário, ele quebrou o quadril e é por isso que ele caiu.

A osteoporose é um outro problema que provoca e desencadeia todo esse quadro de dores cronicas. Esse problema geralmente afeta mais mulheres do que homens e para ser corrigido, em alguns casos, recomenda-se cirurgia.

Importante compreender que todo esse quadro problematico do quadril, desencadeia outros problemas. Uma vez que os quadris estão desalinhados, não é difícil imaginar que afetara outros membros, como é o caso dos joelhos, pernas e solas dos pés.

 

Mas o que podemos fazer para evitar esse problema e diminuir o desconforto da dor?

Fisioterapia é o unico modo que pode ajudar a diminuir as dores. E a boa noticia é que voce pode fazer em casa, basta observar o passo a passo nas imagens e fazer.

Elevar os calcanhares

Para começar, pegue uma cadeira e fique atrás, conforme a foto

  • Levante uma das suas pernas.
  • Lentamente, levante o calcanhar da outra perna até que você esteja na ponta dos pés.
  • Lentamente, coloque o calcanhar no chão.
  • Repita este exercício 10 a 15 vezes em cada perna.
  • Isso fortalecerá seus tornozelos e você trabalhará os músculos ao redor do joelho.

 

Ande com as pontas dos dedos dos pés

 

Este é um exercício simples que você pode fazer limpando sua casa ou fazendo seu trabalho doméstico.  Simplesmente caminhe nas pontas de seus pés em um ritmo rápido, isso fortalecerá suas panturrilhas e dará um pouco de treinamento aos seus dedos e às pontas de seus pés.

Continue andando assim por 5 a 15 minutos ou até se cansar.

 

Faça círculos com os tornozelos


Para trabalhar seus tornozelos fracos, você deve fazer o seguinte:

Sentado ou em pé, levante uma perna.
Lentamente gire o pé dessa perna em um movimento circular.
Repita isso 10 vezes em um círculo para dentro e 10 vezes em círculos para fora para cada perna.

Treinamento de resistência

 

Para este próximo exercício, você precisará de uma banda de resistência.

Fixe a faixa ao redor da perna de um sofá ou de qualquer outro móvel.
Coloque uma de suas pernas sob a outra, ligeiramente dobrada no joelho.
Pegue uma faixa de resistência com o pé da perna acima dela.
Lentamente, puxe a faixa, dobrando o pé em direção à sua cabeça.
Repita isso 10 a 15 vezes em cada perna.

Isso adiciona trabalho aos músculos da panturrilha e aos músculos internos e externos da coxa.

 

Exercícios para os dedos dos pés

Para exercitar seus dedos diariamente, você pode jogar um jogo chamado “tente pegar alguma coisa”.

Role seus dedos por conta própria. Coloque uma toalha no chão e segure-a com os dedos dos pés.
Coloque pequenos objetos no chão e posteriormente tente colocá-los em uma cesta usando apenas os pés.

 

Colocar uma bola tennis debaixo dos pés e movimentar

 

Para relaxar e treinar as solas dos seus pés:

Encontre uma bola de tênis ou uma bola de diâmetro semelhante.
Sente-se em uma cadeira., posteriormente coloque o pé na bola e fique de pé.
Lentamente, empurre a bola com o pé para frente e depois para trás.
Aproveite a massagem!

 

Bônus

 

A acupressão e a massagem nos pés são amplamente utilizadas em todo o mundo. Se, após um longo dia, sentir dor nos pés, coloque os polegares nas marcas vistas na imagem (entre os dedos 1 e 2, 4 e 5 cerca de 1 centímetro) e massageie suavemente por até 15 minutos) e depois sinta um relaxamento agradável.

Esperamos que você faça esses exercícios para se manter saudável e sem dor. Quais são seus truques para ajudá-lo a relaxar seus pés depois de um longo dia?

 

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked*

%d blogueiros gostam disto: